Chega às livrarias “Pensar a Educação”, de Pedro Patacho. Um livro para abrir o debate para uma nova política educativa

por Comunidade Cultura e Arte,    25 Maio, 2021
Chega às livrarias “Pensar a Educação”, de Pedro Patacho. Um livro para abrir o debate para uma nova política educativa
Fotografia de Edwin Andrade / Unsplash
PUB

Três ex-ministros da Educação estarão presentes no lançamento de Pensar a Educação, na Fundação Calouste Gulbenkian.

Amanhã, dia 26 de maio, Eduardo Marçal Grilo, Maria de Lurdes Rodrigues e Nuno Crato vão estar presentes, às 18:30, na Fundação Calouste Gulbenkian, para testemunhar a apresentação do livro Pensar a Educação – Escola, justiça social e participação, da autoria de Pedro Patacho.

O livro parte de um diagnóstico realista e objetivo do estado de arte da educação em Portugal para, de caminho, lançar o debate com vista a um novo pacto social nesta área, algo tão urgente quanto imprescindível para o desenvolvimento e a afirmação de Portugal nas próximas décadas, especialmente tendo em consideração tudo o que se tem testemunhado ao longo da pandemia. 

O autor, Pedro Patacho, é doutorado em Educação pela Universidade da Corunha, Espanha, e atualmente vereador na Câmara Municipal de Oeiras com o pelouro da Educação. E tem com ele dois nomes relevantes no debate das políticas educativas a nível internacional: Jurjo Torres Santomé, da Universidade da Corunha, que assina o prefácio, e João M. Paraskeva, da Universidade de Massachusetts, EUA, autor do posfácio. 

De referir ainda que, na tarde de sexta-feira, o livro será um dos pontos centrais do colóquio que assinalará os 45 anos do Instituto de Educação da Universidade do Minho, contando com a presença de Pedro Patacho, de Jurjo Torres Santomé e outros convidados, e com apresentação de Rui Trindade, da Faculdade de Letras da Universidade do Porto. 

Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?

Podes apoiar a partir de 1€ por mês.

Artigos Relacionados