Movimento Sou Quarteira estreia “#Sou365Dias” na RTP. Documentário revela a verdadeira identidade de Quarteira

por Comunidade Cultura e Arte,    26 Maio, 2021
Movimento Sou Quarteira estreia “#Sou365Dias” na RTP. Documentário revela a verdadeira identidade de Quarteira
PUB

O movimento Sou Quarteira, fundado pela Associação Beyond, por Naomi Guerreiro, Inês Oliveira, Dino D’Santiago e Miguel Jacinto, estreia em exclusivo na RTP1 o documentário #Sou365Dias, amanhã, 27 de maio, com exibição agendada para as 00h46, logo a seguir ao 5 Para a Meia Noite.

O filme faz parte de um programa de impacto social desenvolvido pela associação, que conta com outras iniciativas, entre elas o Festival Sou Quarteira, a exposição e livro “Heróis”, o Mural “À Moda Quarteirense” e ainda do disco com o mesmo nome, que será revelado ao público em setembro de 2021.

“Quarteira não é só a praia de verão e as bolas de Berlim…”, assim começa #Sou365Dias, o filme documental realizado por Selma Lopes e Miguel Jacinto, que pretende revelar a verdadeira identidade de Quarteira. Um olhar que expõe a globalidade desta cidade à beira-mar, contado na primeira pessoa, através de testemunhos relatados pelos heróis locais.

Um retrato coletivo que funciona como ponto de partida para os objetivos propostos pela Associação Beyond ao longo dos últimos anos, com a criação do movimento Sou Quarteira que deu voz a vários projetos através de um novo diálogo sobre Quarteira com a finalidade de dinamizar a cidade, criar infraestruturas e novas oportunidades para as futuras gerações.

O documentário é uma pequena mostra dos muitos talentos oriundos de Quarteira. A prova será perpetuada através das várias iniciativas desenvolvidas pela Associação, como é o caso do mural «À Moda Quarteirense» inaugurado no Parque de Estacionamento Gago Coutinho, no passado mês de outubro. Esta obra de arte pública, pensada e executada por três rostos da nova geração de talentos da cidade, Daniela Guerreiro, Nuno Viegas e Élsio Menau, expressa nas paredes brancas do novo parque de estacionamento o olhar destes três jovens sobre Quarteira, através de elementos identitários desta terra, mas também de problemáticas bem atuais em termos globais como a poluição ou a discriminação racial.

Ainda este ano será finalmente revelado ao público, o disco “À Moda Quartereinse”, com direção artística de Dino D’Santiago, e que reúne cerca de 30 artistas dos mais conceituados a jovens promessas da música nacional. Dino D’Santiago, Sacik Brow, Biex, Baby Creezy, Alicia Rosa, Lady N, Subtil, Fantasma, Perigo Público e Fragas, são alguns dos nomes que participam neste trabalho. O longa-duração “À Moda Quarteirense” é muito mais do que um disco, é acima de tudo um trabalho que reflete a busca intensiva da sonoridade da cidade, que para além de homenagear os talentos locais, tem ainda como objetivo dar novos palcos, infraestruturas e ferramentas para que as futuras gerações possam dar continuidade aos seus sonhos.

Sou Quarteira nasce da vontade de se criar um novo diálogo com a finalidade de dinamizar a cidade, criar infraestruturas e novas oportunidades para as futuras gerações. Organizado pela Associação Beyond em parceria com a Câmara Municipal de Loulé, o Sou Quarteira procura a longo termo ter um impacto positivo na cidade tanto a nível social, cultural como económico. Pretende-se assim desencadear uma vaga de iniciativas, de confiança e de orgulho na cidade. Só através de da diversificação destas ferramentas e experiências disponibilizadas será possível promover a dinâmica de colaboração e profissionalização do talento local.

Este é um projeto financiado pela Câmara Municipal de Loulé, que foi fundamental para a viabilização do mesmo, acreditando na emancipação da arte como ferramenta sociocultural desde o início.

Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?

Podes apoiar a partir de 1€ por mês.