RTP2 exibe “Casa de Lava”, filme de Pedro Costa

por Comunidade Cultura e Arte,    7 Setembro, 2022
RTP2 exibe “Casa de Lava”, filme de Pedro Costa
“Casa de Lava”, filme de Pedro Costa
PUB

Casa de Lava” é a segunda longa-metragem de Pedro Costa, rodada na paisagem vulcânica de Cabo Verde, uma história de dor e de sangue vivida por “zombies” e outros seres amaldiçoados.

No início é o ruído, o desespero e o abuso. Mariana quer sair do Inferno. Estende a mão a um homem meio morto, Leão. Mariana, plena de vida, pensa que talvez possam escapar juntos do inferno. Acredita que pode trazer o homem morto para o mundo dos vivos. Sete dias e sete noites mais tarde percebe que estava enganada. Trouxe um homem vivo para o meio dos mortos.

“Casa de Lava”, segunda longa-metragem de Pedro Costa (Lisboa, 1958), é uma história de dor e de sangue vivida por “zombies” e outros seres amaldiçoados. Filme rodado na Ilha do Fogo, na paisagem vulcânica de Cabo Verde, que parece cobrir de cinzas toda a vida animal, vegetal ou mineral. Com Inês de Medeiros, Isaach de Bankolé, Pedro Hestnes e Edith Scob.

Pedro Costa, revelado alguns anos antes com “O Sangue”, confirmou com “Casa de Lava” todas as expectativas criadas por esse primeiro filme (no entanto, completamente diferente). Na paisagem vulcânica de Cabo Verde, filmada como se toda a vida (animal, vegetal ou mineral) tivesse sido coberta por um lençol de cinzas, “Casa de Lava” é outra história de dor e de sangue, vivida por “zombies” e outros seres amaldiçoados. Muita da estranheza vem do facto de Cabo Verde ser igualmente tratada como uma paisagem “linguística”, onde o vincar de uma identidade se confunde com o seu fechamento.

RTP2 exibe “Casa de Lava” a 17 de Setembro, pelas 22h55.

Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?

Podes apoiar a partir de 1€ por mês.