Podcast Nuclear. A emancipação do desejo com Janet Jackson, Beyoncé e Róisín Murphy

por Comunidade Cultura e Arte,    29 Março, 2021
Podcast Nuclear. A emancipação do desejo com Janet Jackson, Beyoncé e Róisín Murphy
PUB

A emancipação do desejo feminino marca o ritmo deste episódio. Há nele também o legado que a geração firmada nos 80 deixou a vozes femininas da contemporaneidade. Quando Janet Jackson editou o álbum “Control”, do qual faz parte “Nasty”, marcou uma posição na forma como se apresentava na esfera pública e admitia ser tratada. O mesmo fizeram Madonna e Vanity 6 nas suas carreiras. Abriram caminho para que vozes de hoje, como as de Beyoncé, Jessie Ware, Rihanna e Róisín Murphy continuassem a cantar livremente sobre o desejo e o prazer. Ouvimo-las a todas neste NUCLEAR e dançamos.

Esta semana o projecto da Time Magazine “The Renaissance is Black”, curado por Ibram X. Kendi, está em foco abaixo. Destacam-se ainda dois discos: “What’s Your Pleasure”, de Jessie Ware (ouvir aqui), e “Róisín Machine”, de Róisín Murphy (ouvir aqui). Por fim, deixa-se um convite para ver o vídeo de “Partition”, de Beyoncé, gravado no Crazy Horse em Paris (aqui). Fiquem connosco!

Em Foco: The Renaissance is Black 

A propósito do Black History Month a Time Magazine criou o projecto “The Renaissance is Black”, agregando uma colecção de textos para reflectir sobre a produção artística afro-americana (consultar neste link). Curada por Ibram X. Kendi, autor de “How To Be Antiracist”, o académico defende, no ensaio de apresentação, a vivência, na contemporaneidade, da terceira fase da Black Renaissance, descendente de dois movimentos artísticos incontornáveis: o do Harlem, nos anos 20, e o que se firmou associado à luta pelos direitos civis, entre as décadas de 60 e 70. Vale a pena aprofundar este projecto jornalístico.

Tiago Fortuna é autor do podcast NUCLEAR. Trabalha nas áreas de acessibilidade cultural, direitos de pessoas com deficiência e comunicação estratégica musical. Podes ouvir o podcast aqui.

Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?

Podes apoiar a partir de 1€ por mês.

Artigos Relacionados