Charlotte Gainsbourg vai interpretar Simone de Beauvoir no cinema

por Comunidade Cultura e Arte,    4 Setembro, 2021
Charlotte Gainsbourg vai interpretar Simone de Beauvoir no cinema
Charlotte Gainsbourg e Simone de Beauvoir / DR
PUB

“An Ocean Apart” será produzido por Olivier Delbosc, o mesmo que produziu “Enter the Void”, de Gaspar Noé, ou “8 femmes” e “Swimming Pool”, ambos realizados por François Ozon.

O filme será realizado por Fred Garson, que iniciou a sua carreira no cinema como assistente de realização de Michelangelo Antonioni, Wim Wenders e Luc Besson. A obra cinematográfica, que ainda não tem data de estreia, será um drama de época sobre o romance entre a filósofa francesa Simone de Beauvoir e o escritor norte-americano Nelson Algren, papéis esses que serão interpretados por Charlotte Gainsbourg e Matt Dillon respetivamente, segundo a Variety. Sabe-se também, segundo a mesma fonte, que o filme terá como pano de fundo o final dos anos 40 e passar-se-á entre as cidades de Paris e Chicago.

Já o argumento ficará a cargo de Ron Riley, em colaboração com Fred Garson e Claire Barré. A história do filme retratará assim a relação amorosa entre Beauvoir e Algre, que aconteceu entre 1947 e 1964, e que se baseará de forma substancial em cartas partilhadas entre ambos. “Embora ambos estivessem na casa dos 40, os dois partilharam uma paixão adolescente que nunca tinham experienciado antes“, revelou o realizador, segundo a Variety, e que acrescentou ainda que, nessa altura, Simone De Beauvoir “tinha a carreira numa encruzilhada e estava inclusive a começar a escrever “O Segundo Sexo“.”, afirmou Garson à mesma fonte.

Beauvoir foi uma escritora, intelectual, filósofa existencialista, activista política, feminista e teórica social francesa. Embora não se considerasse uma filósofa, Beauvoir teve uma influência significativa tanto no existencialismo feminista quanto na teoria feminista e essa influência vem até aos dias de hoje; o seu livro “O Segundo Sexo“ é ainda uma obra essencial sobre o feminismo. O consagrado filósofo Jean-Paul Sartre também foi seu companheiro durante mais de 50 anos, sendo o caso amoroso da filósofa com Nelson Algren uma relação que aconteceu quando os dois mantinham um compromisso assumido, no entanto, sabe-se também que Sartre e Beauvoir mantinham uma relação aberta.

Já o escritor Algren ficou mais conhecido pelo seu romance “The Man With the Golden Arm“, que lhe valeu um National Book Award, em 1950, e que mais tarde, em 1955, foi adaptado para cinema pelas mãos do cineasta ucraniano Otto Preminger, e que contou com Frank Sinatra e Kim Novak como protagonistas do filme.

Gostas do trabalho da Comunidade Cultura e Arte?

Podes apoiar a partir de 1€ por mês.

Artigos Relacionados