José Malta

Natural de Oeiras, embarcou numa aventura pela ciência e actualmente divide o seu tempo entre Lisboa e Coimbra. Guarda um carinho especial por outros tantos lugares onde foi feliz como a Zona Oeste onde cresceu e a Margem Sul do Tejo onde viveu durante seis anos. Aprendiz eterno e amante incansável de música, de literatura e de um mundo cheio de mistérios e possibilidades, procura, sempre que pode, dar um contributo maior à Cultura e à Arte, sentindo-se livre e independente ao escrever aquilo que lhe vai na alma.

O parasita

por ,    22 Maio, 2020

No início dos anos 70 do século XX, quando Portugal ainda se encontrava mergulhado numa ditadura, José Cardoso Pires publicava […]

Ler Mais