Mariana Almeida Nogueira

Formada em Design de Comunicação pela Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa e com um mestrado em Jornalismo na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, Mariana Almeida Nogueira escreve poesia, cobre assuntos relacionados com saúde, tecnologia, ciência e arte na revista VISÃO e colabora com o caderno cultural da revista Brotéria. Entre 2011 e 2017 viveu em Milão, onde trabalhou na área da comunicação e organização de eventos, antes de enveredar pelo jornalismo, já em Portugal. Do contacto constante com acontecimentos culturais relevantes, que este trabalho lhe proporcionou, nasceu a vontade de contar as histórias de quem dedica a vida a refletir sobre o Mundo, através da arte, da ciência ou da filosofia. Erik Orsenna, Martin Rees, António Damásio ou Avi Loeb são apenas alguns exemplos de economistas, filósofos, médicos e cientistas que entrevistou nos últimos anos e que considera encarnarem este ideal. Mariana acredita também que o jornalismo é muito mais do que escrever notícias: trata-se de ouvir as pessoas, dando voz a quem não a tem. Em 2021, recebeu o prémio de jornalismo da Liga Portuguesa Contra o Cancro, com uma reportagem sobre o drama escondido dos doentes sem Covid, e em 2022, o Prémio de Jornalismo em Psiquiatria e Saúde Mental da Sociedade Portuguesa de Psiquiatria, com um trabalho sobre a “epidemia” da doença mental.