Romão Rodrigues

"That is a light that never goes out". Não, não me refiro à fé propriamente dita. Refiro-me, sim, à vontade de viver. Nasci sob este lema, e, com quase duas décadas, tornei-me sportinguista irracional e Monty Python addicted. O jornalismo é uma paixão já antiga (descoberta recentemente) e o que tem de ser tem muita força. Viver sem música e literatura é impossível. Festivais, RoadTrips e Interrails atingem o meu zénite espiritual.